O Criador

Tudo começou quando Luiz Pompeu tinha apenas 8 anos. Um presente inesperado de seu Tio Mário, um casal de periquitos australianos, deu início a uma paixão pelos pássaros. Em 1980 começou a dedicar-se à criação de Canários do Reino. No mesmo ano, associou-se a SOBC – Sociedade Ornitológica da Borda do Campo como membro de nº 044.

Em 83, muda seu plantel para pássaros exóticos (Amandine, Bicolor, Calafate, Diamante de Gould, Mandarim, Tricolor, e outros) e 5 anos depois, se consagra Campeão de Pássaros Exóticos pela SOBC e Campeão Brasileiro Geral de Pássaros Alienígenas (Exóticos) pela ABOA, (Associação Brasileira de Ornitologia Amadora), Hoje chamada FOB ( Federação Ornitológica Brasileira).

A partir de 2002, Pompeu se dedica exclusivamente a sua primeira paixão, os psitacídeos.

Premiações pela SOBC

Campeão SOBC 1988

Categoria Pássaros Exóticos.

Vice-Campeão SOBC 1989

Categoria Pássaros Exóticos.

Campeão SOBC 2005 até 2011

Categoria Calopsitas.

O Criadouro

O Criadouro da Serra esta localizado no Alto da Serra do Mar, no município de Rio Grande da Serra, a 50 km da capital paulista.

Há 8 anos o criadouro visa a criação de pássaros para campeonatos, buscando o aperfeiçoamento das espécies, com cores raras e cada vez mais perfeitas. Com o profissionalismo adotado, os pássaros geram filhotes diferenciados e saudáveis.

Hoje o Criadouro da serra conta com aproximadamente 1500 aves entre Calopsitas, Ring Neck, Roselas, Cabeça de Ameixa, Red Rumped, Tourquasines, Forpus, Ecletus, e naturalmente 140 casais de Periquitos Australianos.

São 4 criadouros separados e climatizados para atender as necessidades de cada espécie, provendo um alto nível de qualidade nas criações.

Premiações pela FOB

Campeão ABOA 1988

Campeão Brasileiro na Categoria Geral de Pássaros Alienígenas (Exóticos) pela ABOA (Atual FOB – Federação Ortinológica Brasileira)

4º Lugar FOB 2009

Categoria Calopsitas

Vice-Campeão FOB 2010

Categoria Calopsitas

4º Lugar FOB 2011

Categoria Calopsitas